Sobre Veneza

Muitas e óbvias constatações sobre uma cidade que fascina já diversas gerações e por isso mesmo sobre a qual já se escreveu tudo que seria de se esperar. Alguns ainda conseguem captar humores inovadores. Não sou um deles. Vejo o imediato, o que está explícito, o que salta aos olhos.

Onde o brilho do poder de uma cidade; onde o brilho das águas sobre esta cidade. O brilho da pedra branca; a opacidade dos seus tijolos vermelhos.

A opção por se criar e desenvolver numa perspectiva totalmente diferente. Dominar “o mundo” a partir daí. Estar no mundo e permanecer fora dele.

O que pensam aqueles que lá vivem por opção ou por falta dela. A mãe que está cansada de empurrar e puxar o carrinho de seu bebê ponte acima, ponte abaixo e que de repente, extenuada, pede ajuda a dois desconhecidos.

Uma cidade cheia de fascínio.

Antônio Paulo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: